top of page

A sua jornada com a VM: da pesquisa à aquisição das nossas soluções

O mercado de autoatendimento está em ascensão global, despertando o interesse de um número crescente de empreendedores. Por isso, conversamos com a Jheniffer Silva, líder do SDR da VM, para contar tudo o que você precisa saber antes de decidir por qual segmento optar e em qual etapa a VMtecnologia pode te ajudar. 

 

Uma pesquisa da GEM (Global Entrepreneurship Monitor) destacou que somos um dos países mais empreendedores do mundo. No relatório, diz que as razões para começar uma empresa são pessoais, então, se a sua ideia é um negócio com vendas não assistidas, podemos ajudá-lo. Confira:   

 

Como começar o meu negócio no autoatendimento?  


Você está começando seu negócio do zero e não sabe quais os primeiros passos? Quer se reinventar, sendo empresário ou mudando o segmento da sua empresa? O primeiro passo é observar o porquê. A motivação é um fator de sucesso para um empreendedor.    

Além da motivação, tem vários fatores práticos para iniciar no mercado de autoatendimento. Não existe uma fórmula mágica, mas você pode começar a se organizar com esses passos:   


  1. O seu perfil é de liderança ou analítico? Para analíticos que querem empreender, existem vários modelos de franquias voltadas para lavanderias self-service ou micromercados, por exemplo, que já têm todo o modelo de negócio desenhado.  

  2. Pesquise e veja se sua ideia se aplica para o mercado: faça uma pesquisa online sobre as tendências e necessidades do mercado. Identifique onde tem procura (consumidores ávidos para o consumo) do que você quer ofertar, encontre lacunas. Condomínios em construção com grande número de moradores podem ser uma excelente oportunidade de negócio, tanto para micromercados como, também, para lavanderias. 

  3. Conheça seus concorrentes: por mais que você não tenha uma concorrência direta, que faça o mesmo que você quer fazer, sempre há uma indireta, ou seja, que atende à mesma necessidade que você planeja atender.  

  4. Faça um plano de negócios: defina qual o capital inicial de investimento, se você já o tem disponível, necessita de investidores ou empréstimos. Além disso, planifique o potencial de faturamento do negócio, que pode ser baseado no ticket médio e no número de clientes que você planeja atender. Assim, você terá um planejamento de investimento e um de faturamento, tendo um prazo para atingir o ponto de equilíbrio, ou seja, quando o investimento se pagará e você começará a lucrar. Preveja um fluxo de caixa para sua operação nesse período, pois, sejam bichinhos de pelúcia, produtos para a loja ou café para a vending machine, o investimento em estoque é fundamental para o seu negócio rodar.   

  5. Formalize o seu negócio: sem isso, fica inviável conseguir desde empréstimos bancários até credenciamento em uma adquirente para aceitar cartões, por exemplo. Procure um contador para abrir o seu CNPJ com o melhor modelo societário para o plano que você quer desenvolver, além disso, abra uma conta jurídica no banco.  

  6. Mercado: com todas as etapas acima concluídas, está na hora de buscar os pontos de vendas e iniciar a divulgação do seu negócio!   

 

Quer investir em micromercados, preparamos um ebook com um passo a passo para, baixe já: https://materiais.vmtecnologia.io/lp-e-book-micro-market 

 

E quando a VM entra no jogo? 


Segundo Jheniffer, o momento ideal para contatar uma solução de automação de vendas, como as da VM é quando você já definiu o local para implantar o seu negócio. Conhecendo o público-alvo da sua loja e a quantidade de apartamentos de um condomínio, nossos consultores poderão indicar a solução mais adequada para o seu potencial de faturamento e necessidades específicas, como conectividade, por exemplo.    

Para lavanderias e vending machines, existem modelos de máquinas homologadas para os nossos sistemas estarem aptos para a utilização. Você pode conferir quais são clicando aqui. 

 

Tenho um dosador de lavanderia, consigo realizar a automação dele?  


Essa é uma dúvida muito comum: a VM não realiza automação de dosadores.   

 

Para investir em uma lavanderia de autosserviço, é essencial definir e adquirir a quantidade de conjuntos de máquinas, ideal para o ponto onde a lavanderia será instalada. Lembre-se de que suas vendas não serão assistidas por um humano, então o equipamento precisa ser compatível para atender o público adequadamente. Muitos dos fornecedores de conjuntos de máquinas (lava e seca) também vendem as placas para dosadores.   

 

 

 

 

Nossa estrutura é focada no seu sucesso 

 

Na VM, procuramos proporcionar a melhor experiência de forma simples e rápida, entendendo o que realmente faz sentido para a operação de cada cliente. Para isso, contamos com uma equipe de pré-vendas capacitada para compreender sua operação e orientá-lo quanto à melhor estratégia, seguida de um atendimento com consultores especializados em cada uma das verticais. 

 

 

 

 

Por que a VM deve ser a sua escolha?  

  

Na VM agregamos valor ao seu negócio. Nossa missão é entregar tecnologias robustas, com equipamentos funcionais, que vão possibilitar a sua escalada como empresário. Assim, crescemos juntos! O sistema é o coração da sua operação e irá atingir não só a sua gestão como a qualidade do atendimento prestado ao seu consumidor.   

  

Além disso, na VM você encontrará:   

  

  • Atendimento personalizado, focado em atender às suas necessidades: nossa equipe está comprometida em proporcionar a melhor experiência possível, entendendo suas demandas e oferecendo soluções adaptadas.  

  • Capacidade em oferecer produtos e serviços de alta qualidade e confiabilidade, com toda a segurança de quem é certificado pelo PCI DSS.  

  • Suporte técnico de domingo a domingo.   

  

Esperamos que esse postblog te ajude a dar os próximos passos como empreendedor no mercado de autoatendimento. Ah, e se você já seguiu todas as etapas acima, não se esquece de clicar no botão do WhatsApp ali embaixo, nossa equipe está ansiosa para atendê-los.   

 

 

Comments


bottom of page