top of page

Super-Full-Stack: saiba como são desenvolvidos os equipamentos da VMtecnologia

Atualizado: 14 de dez. de 2023


Nossa solução de conectividade para Vendings e Gruas


Olá, leitor! Que bom te ver por aqui novamente, em nossa segunda matéria especial sobre o universo Super-Full-Stack da VMteconlogia.


Se você ainda não leu nosso primeiro conteúdo sobre o tema, não se preocupe. É só clicar no link: Mergulhando pelo Universo Super-Full-Stack da VM, e você entenderá por que temos essa definição.


Hoje vamos falar exclusivamente do desenvolvimento dos hardwares, e qual é o passo a passo para dar vida a parte “física” dos nossos produtos.


Então já sabe: acompanhe esse postblog e fique ligado para não perder nenhum conteúdo exclusivo que criamos com muito carinho para você.


Mergulhando onde os nossos equipamentos são feitos!


Último lançamento da VM para lavanderias, o VMlav


Para se tornar possível a criação das nossas soluções de ponta a ponta, além da equipe de desenvolvimento de software, temos uma equipe dedicada ao desenvolvimento de hardwares, formada por engenheiros elétricos, designer de produto, homologação e documentação.


Além, é claro, de toda a parte fiscal relacionada a concepção e venda desses produtos. Para entender melhor sobre como é feito o desenvolvimento de um hardware, convidamos o João Franqueto, nosso Diretor Operacional, para nos explicar.


Acompanhe as etapas:

Etapa 1: Definição do projeto

Primeiramente é estabelecido o objetivo do projeto, identificando as necessidades e requisitos do produto, avaliando a viabilidade técnica e financeira do projeto.

Etapa 2: Projeto

Posteriormente, são elaborados os diagramas que descrevem a solução proposta para o produto. É importante levar em consideração as limitações físicas, componentes disponíveis, e regulamentos ou normas aplicáveis.

Etapa 3: Desenvolvimento do hardware

Aqui produzimos o hardware final, incluindo a escolha dos componentes, o design da placa eletrônica e a fabricação de protótipos, para validação e testes finais do projeto.

Etapa 4: Verificação e validação

Nesta etapa, o protótipo fabricado é submetido a testes rigorosos, muitos deles com a participação dos clientes, para garantir que está funcionando corretamente e atende aos requisitos estabelecidos.

Etapa 5: Documentação

Após a validação, é elaborada a documentação técnica, incluindo manuais de usuário, manuais de produção, desenhos técnicos e lista de componentes eletrônicos.

Etapa 6: Produção em massa

Por fim, o hardware é produzido em grande escala e distribuído para os clientes, seguindo toda a documentação e procedimento de testes desenvolvido na etapa anterior.

É importante que o hardware desenvolvido atenda a expectativa e as necessidades dos usuários, de maneira útil e eficiente.


Por isso, segundo o diretor, o objetivo do produto é que ele garanta um desempenho confiável, de qualidade e em conformidade com as regulamentações vigentes. Além, é claro, de que ele seja viável financeiramente para o operador.


“A vantagem de ter uma equipe própria de desenvolvimento de hardware é que a empresa pode ter mais controle sobre o projeto, desde a definição dos requisitos até a produção em massa. Com isso, também garantimos uma compreensão profunda da cultura da empresa e de suas necessidades específicas, resultando em soluções inovadoras e eficientes.”


João Franqueto, Diretor Operacional da VM.

Outro grande ponto reforçado pelo João Franqueto, em relação a sermos Super-Full-Stack, é a possibilidade de flexibilidade e velocidade de mudança, para adequar os produtos as novas necessidades do mercado.


Além de serem responsáveis por todas essas etapas de desenvolvimento, a equipe também está focada na frente de apoio a equipe de Produção e Suporte Técnico, em situações identificadas no processo produtivo, ou em clientes, que fogem das situações já mapeadas.

Gostou dessa leitura? Em breve tem mais!


Fique ligado aqui no VMblog, pois em breve compartilharemos tudo sobre a área de desenvolvimento de produção das nossas soluções.


Agora que você já conhecer um pouco mais de como funciona a construção das nossas soluções, vem escolher a sua.


Entre em contato com o nosso time comercial, clicando aqui.

Comments


bottom of page