O que é Micro Market?

Atualizado: 14 de jun.



Você sabe o que é o Micro Market? O termo em português “micromercados”, é um segmento que combina o varejo, autoatendimento, tecnologia e o princípio da honestidade, e que está em expansão no mercado brasileiro.


Com um amplo território disponível para crescimento, é uma ótima opção para quem quer empreender em um mercado exponencial, de baixo investimento (a partir de R$30 mil você já consegue iniciar seu primeiro negócio) e baixo risco. Outra vantagem é que os micromercados se adequam a várias realidades: é possível investir em uma loja, no seu condomínio, ou até em uma rede, se você quer ter uma empresa ou ser um operador (como são conhecidos os donos de Micro Markets).


Operação de Micro Market

As operações de Micro Market estão intimamente ligadas ao autoatendimento: O cliente faz a seleção dos produtos pretendidos, empacota-os, e faz o pagamento. Essas são as chamadas vendas não assistidas.


As lojas são, normalmente, instaladas em locais com um certo controle de público, como em condomínios residenciais e/ou corporativos. E oferecem grande praticidade e conveniência aos clientes, ficando em funcionamento 24 horas/por dia e 07 dias por semana.


Outro ponto interessante é que um mercado como esse se adapta ao espaço, é possível inaugurar um micro market com apenas uma prateleira e uma geladeira.


Imagina, você chega em casa do trabalho e decide preparar um lanche, porém, percebe que o pão de forma acabou e você esqueceu de comprar mais. Já são 18h e tirar o carro da garagem para ir até o mercado parece uma grande tortura. Nesse tipo de situação, você só tem duas opções, enfrentar o trânsito ou mudar o menu do dia.


Com um micro market, você poderia pegar o elevador e ter a sua disposição todos os produtos necessários para terminar o lanche sem precisar tirar as pantufas.


Esses empreendimentos têm crescido muito nos últimos anos, acelerados com a pandemia, para os consumidores, um minimercado autônomo é o lugar perfeito para fazer compras em segurança e com tranquilidade.


Já existem mais de 10mil lojas que foram abertas neste ramo, esse mercado está crescendo tanto por se tratar de um baixo investimento, com retorno rápido e estima-se que esse mercado comporta mais de 100 mil lojas. É por isso que você deve pensar em investir em um micromercado.

“Mas como funciona ter um mercado em condomínio?”

Para entender a viabilidade de um micromercado


o operador (como são chamados os proprietários desses estabelecimentos) precisa:

  • Entender a quantidade de moradores/colaboradores que existem no condomínio

  • Negociar com o síndico o espaço, o valor de aluguel e o período mínimo de permanência da loja no condomínio

  • Definir os tipos de produtos que a loja venderá, o chamado mix de produtos

Claro que isso é apenas um resumo, mas com essas informações de base é possível fazer uma previsão de vendas e “medir a febre” do local.


“E para os consumidores? Como funciona um micro market?”

O morador precisa somente se locomover do seu apartamento até o local onde o mercado está instalado (na maioria das vezes no estacionamento, salão de festa ou área aberta), por isso pode ser considerado na categoria de mercado de proximidade.


O mercadinho é 100% autônomo e autossustentável, o condomínio não precisa ter funcionários ou gastos empregatícios e ainda há valorização do mesmo, facilitando futuras locações e vendas. Toda a responsabilidade fica com o operador.




Micro Market Corporativo

Já em expansão antes da pandemia, Micromercados em escritórios voltam a ser uma excelente oportunidade de negócio!


Os Micro Markets Corporativos começaram no Brasil lá pelo ano de 2017. Até início de 2020 o mercado vinha em forte expansão. Com a pandemia houve uma retração muito grande. O home office fez com que a maioria das lojas fossem temporariamente desativadas.


Começamos a experimentar uma volta gradual a normalidade e conviveremos com todos os modelos de trabalho daqui para frente. O retorno ao presencial gera uma nova oportunidade de negócio. A operação é muito similar ao Micro Market de condomínio.


A VMPay tem diversas soluções para quem já opera no mercado de M.M. ou para quem quer iniciar. Mande suas dúvidas ou fale com um de nossos consultores.


522 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo